Orçamentos

Blog

Fique por dentro das novidades da zoeweb e da tenologia de streaming

Um dos detalhes mais importantes a ser observado durante a preparação para uma transmissão via streaming é a qualidade da internet. Este fator influencia diretamente a qualidade de sua transmissão, fazendo com que ela ocorra em alta qualidade e sem falhas (se tudo estiver corretamente configurado) ou te dê muita dor de cabeça se algo não tiver sido organizado previamente.

E uma das dificuldades tecnológicas mais enfrentadas pelos contratantes de streaming é justamente esta conexão de internet. Por isso separamos algumas dicas que podem te ajudar a evitar este tipo de problema.

Para começar, observe o upload disponibilizado pela sua rede. Não apenas o download de sua banda de internet deve ser alto, mas o upload também.

Observando as regras da ANATEL a operadora tem o padrão de entregar 10% do contratado para esta função – ou seja-  se tem 30MB/s normalmente se tem 3Mb/s de upload. O ideal é que você contrate um link de rede específico para esta transmissão via streaming e você pode utilizar uma rede compartilhada para o restante do ambiente (no caso de uma transmissão para diversos funcionários de uma empresa ou um grande evento).

Possuir dois links de internet traz também a vantagem de que, quando houver queda em uma rede, uma substituirá a outra em situações emergenciais, gerando mais segurança.

Se seu streaming depende desta internet compartilhada e você se depara com falhas na sua transmissão, você percebe que a internet dedicada é um fator extremamente importante para o streaming.

Outro detalhe que deve ser observado é o protocolo que será utilizado para o streaming de áudio e vídeo , devendo este ser RTMP, pois ele é compatível com o Flash Player. Além disso, este protocolo necessita de um software de captura de áudio e vídeo, o FMLE (Flash Media Live Encoder) e quando é definida a logística da transmissão utilizando FMLE, você precisa indicar dois ingests (servidores que receberão seu conteúdo de mídia em bits/bytes).

Isso indica que o valor da qualidade de sua transmissão deverá ser duplicado, pois seu conteúdo será enviado para dois ingests. Você vai precisar então de um upload mínimo de 1MB (500kbps de um ingest + 500kbps de outro ingest = 1MB de upload). Lembre-se disso quando for disponibilizar a internet dedicada para sua transmissão. É por isso que sempre indicamos que o seu upload seja o dobro ou mais que a qualidade da sua transmissão.

Na sua próxima transmissão via streaming siga estas dicas, a qualidade e logística de sua produção podem melhorar consideravelmente.
rodape-post