Orçamentos

Blog

Fique por dentro das novidades da zoeweb e da tenologia de streaming

A tendência da conectividade de produtos e serviços está cada vez mais acentuada. A necessidade de itens tecnológicos mais práticos e funcionais impulsiona o desenvolvimento de novos conceitos e tecnologias para atender a essa demanda. É o caso, por exemplo, da Smart TV.

Os televisores intitulados “Smart TV”, hoje extremamente populares, evidenciam o conceito de televisão inteligente, uma vez que contam com acesso à internet e se integram a diferentes serviços e também a outros produtos. Tais características proporcionam uma interação muito maior se comparadas às dos antigos modelos de TV.

Por se tratar de uma tecnologia relativamente nova, ainda há muitas dúvidas sobre seu funcionamento, conexão, especificações etc. Pensando nisso, vamos esclarecer todas elas e te deixar por dentro do assunto nesse artigo. Continue lendo e confira!

Smart TV: afinal, o que é?

Saber o que de fato representa esse conceito é o primeiro passo para entendermos como é o seu funcionamento.

A Smart TV nada mais é do que um televisor “inteligente”. A capacidade desse produto de se conectar à internet o torna extremamente versátil. A sua inteligência está na capacidade de integração com outros dispositivos e também na sua facilidade de utilização.

Ela representa a expansão da “internet das coisas”. Esse é um conceito bastante atual e que busca conectar todos os tipos de aparelhos do nosso cotidiano à internet, com o intuito de dinamizar, modernizar e integrar tais usos.

Como funciona uma Smart TV?

Como dito, a principal característica desse produto é a sua capacidade de conexão. Logo, tudo gira em torno de como ela se conecta à internet ou a outros dispositivos.

Nesse sentido, uma Smart TV não difere muito da conexão, por exemplo, do seu smartphone ou notebook. Atualmente esses televisores, assim como os dispositivos citados, já vêm equipados com placas de rede wireless (Wi-Fi), que tornam a utilização e a instalação ainda mais práticas.

No entanto, existe ainda a possibilidade de se utilizar a conexão tradicional, por meio de cabo de rede.

O único trabalho do usuário é configurar a conexão do televisor com as credenciais da sua rede local, fornecendo nome e senha. O televisor, sempre que for utilizado, se conectará automaticamente a ela.

Quais são os serviços disponíveis?

Geralmente, o televisor já vem integrado aos serviços por meio de aplicações semelhantes àquelas encontradas em smartphones.

Cada marca tem uma interface própria de navegação e também determina quais serviços o consumidor terá à disposição. Atualmente, sem dúvida alguma, o serviço mais popular e utilizado em televisores Smart é o Netflix!

Fazendo um paralelo entre as novas tendências tecnológicas, tanto a Smart TV quanto os serviços de streaming de áudio e vídeo, como é o caso do Spotify e também do Netflix, trazem à tona mais um moderno conceito: o de serviços na nuvem. Assim, esses televisores são capazes de reproduzir diferentes arquivos e conteúdos remotamente, sem que estejam armazenados no dispositivo.

Outra funcionalidade bastante atrativa em uma Smart TV é a sua capacidade de se integrar a outros dispositivos, como smartphones e notebooks. Isso possibilita visualizar conteúdos que estão neles por meio do televisor sem a necessidade de fios. Além disso, hoje já é possível se comunicar em tempo real por meio dela, utilizando o Skype — alguns modelos já vêm até com câmeras integradas para facilitar esse serviço.

Por fim, mais uma característica que merece ser mencionada nas Smart TVs, é a possibilidade de personalizar as suas funções. Dessa forma, é possível baixar aplicativos e migrar entre as contas de usuários, o que ajuda a navegar e localizar conteúdos com base nas preferências de cada um.

Qual é a relevância de se possuir esse tipo de aparelho?

Atualmente, em um mercado cada vez mais competitivo e com consumidores mais exigentes, a relevância de um produto é algo analisado na hora da compra.

Dessa forma, a Smart TV demonstra a sua relevância a partir de sua principal característica: a versatilidade. O produto reúne funções comumente utilizadas por grande parte dos consumidores, tornando a experiência de assistir televisão totalmente diferente.

Além disso, produtos com múltiplas funções e de fácil manuseio são sempre mais atraentes. Para exemplificar essa afirmação, um dos pontos fortes da Smart TV, como mostramos, é a sua grande compatibilidade com a tecnologia de streaming. Vejamos:

Smart TV x Streaming

Duas modernas tecnologias que se complementam. A Smart TV chegou ao mercado com uma proposta inovadora de levar a internet para mais uma atividade do cotidiano de qualquer pessoa: assistir televisão. Porém, mais do que isso, viabilizou a aplicação e difusão de mais uma tecnologia: o modelo de transmissão via streaming.

Foi a partir desse modelo de transmissão que, hoje, serviços populares como o Netflix, Deezer, Spotify, YouTube entre outros podem funcionar de maneira tão prática e rápida.

Além disso, a Smart TV ainda oferece alternativas diferenciadas para a realização de marketing ou transmissões de eventos utilizando streaming, por meio de televisores posicionados em qualquer lugar, bastando que haja conexão com a internet.

Qual é o melhor modelo?

É bem difícil responder a esse questionamento de maneira específica. Atualmente, existem tantos modelos à disposição dos consumidores que definir o melhor é, na verdade, uma questão de adequação às necessidades de cada um.

Contudo, algumas especificações são recomendáveis em uma Smart TV. Veja quais são elas:

1. Diferentes tipos de conexão

É essencial escolher uma Smart TV que ofereça diferentes tipos de conexão à internet — Wi-Fi ou cabo de rede —, pois a falta de algum deles pode gerar limitações na hora de instalar o produto.

2. Serviços disponíveis

Não adianta comprar uma Smart TV se ela não oferecer o serviço que você deseja. Pode parecer óbvio, mas muitas pessoas acabam passando por essa situação por desconhecer o produto.

Então, busque aquele modelo que tenha o maior número de aplicações. É melhor ter e não precisar do que precisar e não ter, não é mesmo?

3. Resolução da tela

Esse é um ponto de extrema relevância. Atualmente, os padrões de streaming, por exemplo, têm uma qualidade de vídeo muito mais alta do que há alguns anos.

As resoluções 4k estão ficando cada vez mais comuns. Assim, é importante que o televisor também seja capaz de reproduzir o conteúdo nessas especificações, se essa for uma necessidade.

4. Conectividade com outros dispositivos

Essa também pode ser uma grande funcionalidade para quem adquire uma Smart TV. Poder integrar o televisor a outros produtos facilita bastante em uma reunião ou na hora de fazer uma apresentação no trabalho, por exemplo.

Também é importante analisar as conexões físicas do aparelho, como entradas USB e HDMI, pois ainda são muito comuns dispositivos que as utilizam.

Esses são alguns dos pontos mais importantes que se deve conhecer sobre uma Smart TV. O aparelho, como visto acima, possui uma grande gama de funções e formas de uso, sendo possível até a sua utilização comercial, por meio da tecnologia de streaming.

Se você tem interesse em saber mais sobre o assunto, entre em contato conosco! Teremos o maior prazer em auxiliá-lo!